Luciano Almeida eleito prefeito fala num novo começo

(Leia no PONTO FINAL).

BOM DIA.

Eleição municipal é diferente. Os ânimos se exaltam, mexem com a comunidade e pode até se chegar ao exagero. Consome quem gosta e acompanha política. Porém, o importante é saber perder, como gostar de ganhar. Faz parte. Assim é a vida em todos os segmentos, ou seja, um eterno ganha e perde e sobrevive, segue em frente, quem entende e respeita. O importante são os eleitos – prefeito, vice e vereadores – entenderem que, terminado o processo eleitoral, é preciso trabalhar da melhor forma possível em favor da cidade e da sua população. Sem ressentimentos. Quanto mais justo for, mais facilidade encontrará numa missão bastante difícil. Uma certeza: Barjas Negri mudou a cidade, principalmente os bairros, bastando passear pelos quatro cantos e observar. Um sentimento: boa sorte a Luciano Almeida, com toda a torcida dos piracicabanos para decisões felizes. Um bom dia a todos. 

O QUE
ELES DIZEM

Foto: Amanda Vieira/JPi

“QUERO UMA CIDADE UNIDA. VAMOS TRABALHAR POR UM NOVO COMEÇO E QUEM COMANDARÁ SERÁ O DIÁLOGO E O PLANEJAMENTO”

Luciano Almeida (Prefeito eleito de Piracicaba).

OLHO NO OLHO

A política é vivida por fases. Um ciclo acaba para começar outro. O Brasil já experimentou de tudo. Inclusive regime militar. Um dia, muitos ouviram que o MDB elegia até poste. E, foi mais ou menos assim mesmo. O PSDB viveu seus dias de glória. Bem lá trás, é possível recordar o entusiasmo de nossos pais e avós com Lacerda, Brizola, Jânio, Ademar, e tantos outros. Atualmente, as atenções se voltam para o odiado e amado Centrão, com PP, PSD e PL no comando da maioria dos municípios. MDB e PSDB ainda brilham, mas sem mais encantar. Espaços são abertos para o DEM, Republicanos, Podemos, Novo, Patriota, PSD, PDT, PSOL e outros, lembrando que nesse nosso Brasil o exagero tem seu lugar e estamos perto de quarenta partidos por força do idealismo ou motivado pelo fundo eleitoral. E, se nascem com tanta facilidade novas siglas, também é possível observar a facilidade com que o PT se vai. Não por acaso. Pois bem. Celebremos a democracia defendendo a liberdade que ela nos proporciona, mas seria bom não esquecer que só se consolida com justiça e não é possível acontecer sem imparcialidade.  

ÚLTIMA

O XV não jogou bem em Americana, mas conseguiu um empate fora de seus domínios: 1×1 contra o Atibaia. Teoricamente, no sistema mata-mata, esse resultado é bom, desde que, na volta, o XV faça sua parte. Impossível julgar o atual trabalho do técnico Moises Egert em virtude do curtíssimo tempo disponível, contudo, como futebol é resultado e não mérito, é possível dizer que o nosso alvinegro precisa deixar de ser inconstante. Para uns, em dados momentos falta regularidade e para outros aplicação. Quem faz valer sua real capacidade, pelo menos até aqui, é a Portuguesa de Desportos. Quarta-feira (2), depois de amanhã, tem XV Atibaia outra vez, agora no “Barão da Serra Negra (15 horas). O XV precisa, no mínimo, mostrar seriedade ou vontade para que possamos acreditar ser possível sonhar com o título.

PONTO FINAL

Se no primeiro turno Barjas Negri (PSDB) teve uma votação expressiva, mais que o dobro do segundo colocado (Luciano Almeida), no segundo turno, as urnas mostraram uma outra realidade. Foi bem diferente. O candidato do DEM derrotou o tucano, se não com facilidade, mas com absoluta tranquilidade. É normal perguntar: o que aconteceu? A sentença do Tribunal Regional Eleitoral-SP, indeferindo a candidatura do atual prefeito de Piracicaba, em plena campanha, foi fatal. Impossível assimilar o golpe. Conquistando 54,20% dos votos (85.081) contra 45,80% (71.897 votos), Luciano Almeida, empresário, de família conhecida e tradicional, interrompeu uma longa trajetória do PSDB que nos últimos tempos foi representado por Mendes Thame, Humberto de Campos, Barjas Negri e Gabriel Ferrato, que dissidente, agora é eleito vice prefeito do novo prefeito piracicabano  Luciano de Almeida. Com uma forte mudança de nomes na Câmara Municipal de Piracicaba, é possível afirmar que a cidade pode inaugurar a partir de janeiro, uma nova fase, ou até mesmo marcar um novo começo como gosta de dizer o prefeito eleito neste domingo, dia 29 de novembro. Todos os eleitos, no primeiro e segundo turno deverão ser diplomados pela Justiça Eleitora dia 18 de dezembro.

VOLTO AMANHÃ.

ATÉ LÁ.

Compartilhe este post:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *